2-rodom.jpg
Domingo, 27 Março 2016 00:00

Deputados do PS de Setúbal questionam Governo sobre a instalação da 5ª Esquadra da PSP no Barreiro Velho

Os deputados do PS, eleitos pelo círculo eleitoral de Setúbal, considerando que o Barreiro merece uma resposta transparente, questionaram a Senhora Secretária de Estado Adjunta e da Administração Interna relativamente à natureza dos compromissos realmente assumidos entre o Ministério, o Município e a PSP, bem como sobre as últimas diligencias efetuadas pela tutela de modo a concretizar a obra.

A zona histórica do concelho do Barreiro encerra em si uma elevada riqueza arquitetónica e sociológica. O avançado estado de degradação do edificado, a par da decomposição do tecido económico, registado nos últimos anos, configuram uma realidade complexa, especialmente para todos quantos nela habitam, a usufruem ou lá empreendem.

Com efeito, o anúncio por parte do anterior governo da intenção de instalar a 5ª Esquadra da PSP, no Barreiro Velho, originou na comunidade justificada expetativa.

A celebração do Acordo de Cooperação e do Contrato de Comodato, no passado dia 31 de julho, entre o Município do Barreiro e a Polícia de Segurança Pública (PSP) configuram o último facto concreto relativo a este dossier.
A convicção discursiva empregue pela então Ministra da Administração Interna do Governo PSD/CDS e pelo executivo CDU adivinhariam, para além da fotografia de circunstância, uma ação mais concreta e uma tramitação mais célere do processo.

Recorde-se que o documento em apreço acrescentava que a verba a disponibilizar para as obras de reabilitação do antigo edifício do Café Barreiro rondaria os 360.000€, sendo este espaço cedido pela Câmara Municipal para a construção desta esquadra, cabendo ao governo central o pagamento das necessárias obras.

Os deputados do PS, eleitos pelo círculo eleitoral de Setúbal, considerando que o Barreiro merece uma resposta transparente, questionaram a Senhora Secretária de Estado Adjunta e da Administração Interna relativamente à natureza dos compromissos realmente assumidos entre o Ministério, o Município e a PSP, bem como sobre as últimas diligencias efetuadas pela tutela de modo a concretizar a obra.

A este propósito o Presidente do PS local e deputado à Assembleia da República, André Pinotes Batista, reiterou que "a afirmação do Barreiro passa pela soma do esforço de todos na persecução dos projetos que contribuam para a melhoria do contexto socioeconómico local. As questões de segurança não podem continuar a servir para saciar necessidades de protagonismo, a ser tratadas com alarmismo ou como arma de arremesso politico. O grupo parlamentar a que pertenço, os autarcas socialistas e a estrutura que dirijo tudo farão no sentido de ignorar o ruído do jogo partidário e consertar posições com aqueles que verdadeiramente se interessam com a concretização desta importante infraestrutura.”

Assim, os deputados do PS, em articulação com a estrutura socialista do Barreiro, conscientes do seu dever de esclarecer e defender com verdade as populações que os elegeram, aguardarão com serenidade a resposta do XXI Governo de Portugal.

Newsletter

Inscreva-se

Agenda

  • Acompanhe toda a actividades do Partido Socialista do Barreiro.

    Ver mais